fbpx
Descrição

Oito décadas de abstração informal apresenta as obras de 38 artistas que seguem pelo abstracionismo. A abstração não remete a formas geométricas pré-estabelecidas. Portanto estão sendo exibidas obras de precursores do movimento, como Maria Martins, Iberê Camargo e Maria Bonomi. Além de artistas contemporâneos, como Leda Catunda, Ernesto Neto e Luiz Aquila.

As duas coleções complementares combinadas, criaram a exposição oito décadas. Porque As obras do pós-guerra, período em que emergiu a abstração no país, são do acervo da Casa Roberto Marinho. Além de pertencem a essa coleção quase todas as obras dedicadas às décadas de 1940, 1950 e 1960. Já os trabalhos da produção mais recente são do MAM-SP e chegam até o século XXI. De 1970 até 2012, a maior parte dos trabalhos é do acervo do MAM.

Entre as obras mais antigas da coleção estão uma tela de Vieira da Silva (de 1949) e uma escultura de Maria Martins, de 1954, que atraiu a atenção dos surrealistas franceses. Além de que há outras três esculturas na mostra: uma de Angelo Venosa, outra de Márcia Pastore e uma terceira de Frida Baranek. Como resultado dessa bela combinação, o estilo de cada artista torna-se muito singular. Trazendo uma oportunidade incrível para conhecer mais desse movimento e seus artistas.

 

Fechado
Horário de funcionamento hoje: 12:00 - 18:00
  • Segunda-feira

    Fechado

  • Terça-feira

    12:00 - 18:00

  • Quarta-feira

    12:00 - 18:00

  • Quinta-feira

    12:00 - 18:00

  • Sexta-feira

    12:00 - 18:00

  • Sábado

    12:00 - 18:00

  • Domingo

    12:00 - 18:00

  • 22/02/2019 00:52 hora local

Local
mood_bad
  • Ainda não há comentários.
  • chat
    Adicionar uma avaliação